• CADASTRE-SE

    Receba os nossos alertas por email:

    Assessoria de Imprensa

    Rota das Bandeiras fará alteração no trânsito em estrada municipal para continuidade da obra de prolongamento do anel viário Magalhães Teixeira (SP-083)

    24.06.2020

     

    A Concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro de rodovias, fará um desvio no trânsito da estrada municipal José Bonifácio Coutinho Nogueira, na região do bairro Reforma Agrária, em Valinhos, a partir desta sexta-feira (26). A alteração ocorre por conta das obras de prolongamento do anel viário Magalhães Teixeira (SP-083).


    A mudança ocorre para que a Concessionária faça o encaixe do novo trecho do anel viário com o entroncamento com a Bandeirantes. O fluxo de veículos na estrada municipal é baixo e a alteração no percurso será pelas vias marginais locais recém-construídas. O local receberá sinalização especial.

     

    A população poderá tirar dúvidas sobre esta modificação e a continuidade da obra de prolongamento do anel viário em uma LIVE que a Concessionária promove nesta quinta-feira, às 18h. Para participar, basta acessar os perfis da Rota das Bandeiras no Youtube e no Facebook.

     

    A LIVE será realizada em substituição à reunião pública e foi uma estratégia adotada para que as pessoas possam sanar as suas dúvidas, mesmo em meio a esse período de pandemia do coronavírus, quando o isolamento social é a melhor alternativa para evitar o risco de infecção e disseminação do vírus.

     

    O prolongamento do anel viário Magalhães Teixeira é uma das obras mais importantes realizadas pela Concessionária Rota das Bandeiras no Corredor Dom Pedro.  A obra se concentra neste momento no encaixe com a Bandeirantes e a próxima etapa será a construção do entroncamento com a Rod. Miguel Melhado Campos. O investimento da Concessionária nesta obra é de R$ 91,5 milhões (base Julho/2019).

     

    A reunião pública é uma etapa necessária para que haja a emissão do licenciamento pela Cetesb. A partir da liberação, a Concessionária prevê nove meses para a conclusão da obra e liberação do novo trecho de 3,6 km, entre a Bandeirantes e a Miguel Melhado Campos.

     

    A primeira etapa da obra de prolongamento, com 5,8 km de extensão, foi concluída em dezembro de 2015 e contemplou o trecho entre as rodovias Anhanguera (SP-330) e Bandeirantes (SP-348). Por isso, hoje o anel viário faz a ligação entre as três rodovias mais importantes da Região Metropolitana de Campinas (RMC): D. Pedro I (SP-065), Anhanguera e Bandeirantes.

    Topo
    • compartilhe:
    • Compartilhar